Weby shortcut 1a5a9004da81162f034eff2fc7a06c396dfddb022021fd13958735cc25a4882f

Apresentação

Atualizado em 12/07/17 18:01.

Sobre o Laboratório de Pesquisas em Educação Química e Inclusão

 

Alguns pressupostos

A formação do professor não só passa por um processo de crescimento individual e aperfeiçoamento profissional, mas também pela transformação da cultura escolar, que inclui a idealização, implementação e consolidação de novas práticas participativas e gestões democráticas. Além de refletir sobre sua prática, o professor necessita analisar as condições sociais, políticas e econômicas que a interferem.

 

Sobre o LPEQI

O Laboratório de Pesquisas em Educação Química e Inclusão - LPEQI, criado em 2006, encontra-se instalado no Instituto de Química da Universidade Federal de Goiás. O LPEQI promove encontros da tríade professor formador, aluno de graduação e pós-graduação e professores da Educação Básica, num processo reflexivo, visando a construção coletiva do conhecimento no âmbito da Educação Inclusiva.

 

Sobre a RPEI

Em 2007, o LPEQI fundou a Rede Goiana Interdisciplinar de Pesquisa em Educação Especial/Inclusiva – RPEI – uma rede social de colaboração científica, como alternativa para a formação inicial e continuada de professores de ciências para a inclusão escolar e que visa contribuir para dois campos de estudos: primeiro, a compreensão da utilização de redes sociais de pesquisa como espaços para propiciar o processo de reflexão e segundo, o estudo da formação de professores para a Inclusão Escolar.

Clique aqui e conheça mais sobre o movimento da RPEI.

 

Linhas de Pesquisa

   Algumas linhas de pesquisa:

• Necessidades Educativas especiais e necessidades formativas dos professores na perspectiva inclusiva;

• Ensino de Química e Cibercultura na Inclusão Escolar;

• Estudos da cultura afro-brasileira e o ensino de Química;

• A experimentação no ensino de Química no âmbito da inclusão.

 

 

BENITE, A. M. C. et al. Formação de Professores de Ciências em Rede Social: Uma Perspectiva Dialógica na Educação Inclusiva. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, Vol. 9, n° 3, 2009.

BENITE, A. M. C.; SILVA, J. P. ; ALVINO, A. C. B. . Ferro, Ferreiros e Forja: O Ensino de Química pela Lei Nº 10.639/03. EDUCAÇÃO EM FOCO (JUIZ DE FORA), v. 21, p. 735, 2017.

SILVA, J. P. ; ALVINO, A. C. B. ; SANTOS, M. A. ; SANTOS, V. L. L. ; Benite, Anna Maria Canavarro . TEM DENDÊ, TEM AXÉ, TEM QUÍMICA: Sobre história e cultura africana e afro-brasileira no ensino de química. QUÍMICA NOVA NA ESCOLA (IMPRESSO), v. 39, p. 19-26, 2017.

BENITE, ANNA M. CANAVARRO; BASTOS, M. A. ; CAMARGO, M. J. R. ; VARGAS, R. N. ; LIMA, G. L. M. ; BENITE, Claudio R Machado . Ensino de Química e a Ciência de Matriz Africana: Uma Discussão Sobre as Propriedades Metálicas. Química Nova na Escola (online), v. 2, p. 131-141, 2017.

BASTOS, M. A. ; BENITE, A. M. C. . CULTURA AFRICANA E ENSINO DE QUÍMICA: ESTUDO SOBRE A FORMAÇÃO DOCENTE. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores(as) Negros(as) - ABPN, v. 9, p. 00, 2017.

 

Listar Todas Voltar